Só Templates

FACEBOOK

Bru

TWITTER

Bru

BLOGS

Power of Steel



segunda-feira, 5 de abril de 2010









HISTÓRIA DO BALLET


Eu (Bru) sumi né? Desde segunda passada tá uma correria danada! Já fiz de tudo um pouco hehehe, mas aqui estou eu de 'vorta'...Outro dia estava me perguntando como o ballet surgiu, não sei se eu sou a única com essa curiosidade, mas resolvi matar minha curiosidade e dividir com vocês ^^

O balé tem suas raízes na Itália renascentista através das pantomimas (peças de teatro sem falas, utilizando apenas expressões faciais e corporais, geralmente improvisada)que eram realizados por atores e circenses em grandes salões para membros da corte.

Representação de um Balé perante Henrique III e sua corte, na galeria do Louvre- Paris 1582

O casamento da italiana Catarina de Médicis com o Rei Henrique II da França em 1533 deu um importante impulso para o desenvolvimento do balé. Diversos artistas especializados em grandes e luxuosos espetáculos foram trazidos da Itália. Em 1581 Catarina de Médicis produziu o Ballet Comique de la Reine em Paris sob a direção do músico italiano Baldassarino de Belgiojoso ou Balthazar de Beaujoyeulx, nome que adotou na França.

O balé tomou a forma na qual é conhecido hoje na França, durante o reinado de Luis XIII. No ano de 1661, seu filho Luis XIV fundou a Académie de Musique et de Danse, com o objetivo de sistematizar, preservar a qualidade e de fiscalizar o ensino e a produção do balé. Luis XIV nomeou Charles Louis Pierre de Beauchamps para tomar a frente da instituição que foi dissolvida em 1780.


Os chamados balés de repertório se baseiam em composições musicais que contribuíram para torná-lo popular na Europa e depois no resto do mundo. Alguns dos balés mais notáveis são: Coppélia, de Léo Delibes, O Pássaro de Fogo, de Igor Stravinsky, O Quebra-Nozes de Marius Petipa e O Lago dos Cisnes de Marius Petipa e Lev Ivanov,ambos com música de Tchaikovsky.


A partir do Romantismo, as mulheres passaram a se destacar e contribuir para o aperfeiçoamento da arte. Marie Camargo por exemplo, criou o jeté, o pas de basque e o entrechat quatre, além de encurtar os vestidos até acima dos tornozelos e calçar sapatos sem saltos.

Marie Camargo


Fonte: Wikipédia e Google Imagens.

12 comentários:

Amaranta disse...

Nossa! Adorei este blog! Só fiz ballet na infância, hoje sou simples espectadora e amo!

Blog do Óbvio - Manoel disse...

Bru, também fiquei curioso e conseguí desvendar o "mistério" através de sua sedenta curiosidade, kkk! Adoro o blog de vocês. É muito esclarecedor.
Uma beijoca curiosa prá vocês.
Manoel.

Gesiane disse...

Tb ando sumida... Obrigada por vcs sempre estarem lá pelo meu cantinho...

Acho que não levo jeito pra isto... me dá uma coisa só de imaginar na pontinha dos dedos!!! ^^

Desabafando disse...

Muito legal! Quando eu era criança frequentei uma escola que tinha aulas de balé mas no fundo não passava de enrolação e de alongamentos..rsrsrs...nunca cheguei a aprender nada lá apesar de achar tão bonito.

Mayara disse...

ahhh amooo balé! queria muito fazer mas custa caro =/

espero que sua páscoa tenha sido ótima flor!
beijokas, boa semana :)

Bah disse...

Ahahahah se vc sumiu que dirá a Qüi né? rsss Nossa, não tive uma infância de menininha. Odiava balé, preferia as artes marciais, mas acho que isso estava mais no sangue nipônico rs. Apesar q também, nunca tentei nenhuma rs. Não levo jeito para nenhuma atividade física porque a preguiça me impede de fazer ou terminar qualquer atividade física. é um mal, é um pecado capital rs...

Kisu!

pequena disse...

Amiga que ótimo post, super amei saber mais sobre o balé rsss

Flor to passando pra deixar um beijo e desejar uma boa semana... miquilis rssss

Mônica disse...

Eu sempre quiz ser bailarina.Mas cadê a queda e a vontade?
Suimiram com o tempo.
Adforei porque amo ver balé principalmente o classico. Mexe com a nossa alma.
com carinho Monica

pequena disse...

Amiga vc é uma fofa, sempre me visitando e sendo tão carinhosa, sei que to em dívida com vc, mas prometo me redimir e te fazer uma surpresa em breve rsss

xêro

Cih_colorex disse...

Eu também ando meio relapsa com meu blog mas é tudo por conta de uma correria gostosa! =)
Nhaaa, balé é lindo. Adoro, pena que eu parei de fazer aos 12 anos. =/
Kiss

Dea アンドレア disse...

q bacana o post.
Adoro balé, acho lindo demais.
Eu fazia qdo era pequena, mas a prof era gorda e acho q isso q me desanimou huahuahua
bjokas

pequena disse...

Sumidinha rss to morrendo de saudade de vc rss

flor to passando pra deixar um beijo e desejar uma ótima semana!

xerim

Blog Widget by LinkWithin