Só Templates

FACEBOOK

Bru

TWITTER

Bru

BLOGS

Power of Steel



quarta-feira, 13 de janeiro de 2010








CULTURA DA ARMÊNIA


A formação da antiga cultura armênia teve tanto a influência de invasores do planalto armênio quanto daquelas sociedades antigas e países com os quais os armênios mantinham contato. O elevo da antiga cultura armênia tornou-se saliente durante o período helênico que, apesar de se situar num nível superior, não dissolveu a cultura armênia, deixando apenas um lastro profundo nesta última, principalmente na arquitetura e planejamento urbano, e no teatro.

Artashat

As antigas capitais armênias Artashat e Tigranocerta comprovam isso. Já o monumento mais notório do período helênico na Armênia é o templo de Garni, construído no primeiro século. A cultura da antiga Armênia foi o fundamento no qual se ergueu a própria cultura nacional dos períodos subseqüentes.

Templo de Garnir


A LÍNGUA
A língua armênia pertence à família das línguas indo-européias, sem outra ramificação e como uma das mais antigas formas. O alfabeto próprio foi criado no início do século V (406) por Mesrop Mashtots, e tem se transformado numa base sólida para a língua nacional e a cultura. Atualmente, mais de 25 mil manuscritos antigos são preservados no Matenadaran (Biblioteca) do Instituto de Manuscritos Antigos, assim como em bibliotecas de Jerusalém, Viena, Veneza, Londres e outros locais.

Mesrop Mashtots


RELIGIÃO
Apesar de as primeiras comunidades cristãs terem surgido no país já no século I, a Armênia adotou o cristianismo como religião oficial de Estado em 301, durante o reino do rei Tiridates III, tornando-se o primeiro país do mundo a aderir formalmente à religião cristã.

Catedral de Echmiadzin


O primeiro Patriarca (Catholicós) da Igreja Armênia foi Gregório, o Parto, a quem a Igreja atribui ser o segundo Iluminador dos armênios. Mais tarde, Gregório, o Iluminador, foi canonizado pela Igreja Armênia. A adoção do cristianismo deixou um impacto poderoso na história subseqüente do povo armênio. A fé cristã proporcionou um ímpeto para maior desenvolvimento da cultura. A ética cristã tornou-se a base para a visão armênia, deixou um registro imutável na moldura espiritual e no psique da nação. A Igreja Armênia teve um papel destacada no vida da sociedade armênia, especialmente após a perda do Estado. Os estatutos desta Igreja regularam muitos aspectos da vida cotidiana dos armênios, assumindo às vezes as funções do Estado, na luta secular do seu povo para preservar sua identidade.

Monatério de Noravank


Fonte: Flickr: robert_m_brown_jr, Flickr:artachatzi, Flickr:retlaw snellac, Flickr:Zinni, http://www.portalsaofrancisco.com.br/, e Google Imagens.

7 comentários:

La Sorcière disse...

Olá!!
Na minha cidade natal, tem uma comunidade armênia gigante!! Tenho vários amigos armênios! Assisti ao casamento de uma delas e é fantástico! Super lindo!
Tinha curiosidade em ver imagens da Armênia, o post está ótimo!
Bj

Desabafando disse...

Achei linda a catedral.

Amanda disse...

Fofas,estou de volta para oentelhar um pouco mais vcs!
rs...
Super interessante esta cultura armênia.
Bjos querida!

Vanessa Orgélio disse...

Olá meninas! To passando pra desejar uma ótima quarta!

Beijinhus!

Mariazita disse...

Olá, lindinhas
Mais um post óptimo, desta vez sobre a Arménia.
Tenho guardados alguns PPS's de lá, com imagens muito bonitas, mas não com esta preciosa informação que vocês aqui publicam.
Estão de parabéns.

Continuação de boa semana.

Beijinhos
Mariazita

Bah disse...

Nossa, não conheço nenhum armênio. Acho que estou precisando ir à Europa pra poder entender certas coisas... rss

Kisu!

Maurićže disse...

ouçam a rádio "Armênia Eterna"!!! Havidenagan Hayastan!
fiz um curso de língua armênia na USP, em breve haverá outro. não percam.
tsé de sutiun! (até mais)

Blog Widget by LinkWithin