Só Templates

FACEBOOK

Bru

TWITTER

Bru

BLOGS

Power of Steel



quarta-feira, 29 de abril de 2009






CASTELO DE IF

Atendendo a pedidos do nosso leitor Luis Miller, um castelo francês com um bocado de história hehehe...

O Castelo de If localiza-se na ilha de If, integrante do Arquipélago do Frioul, na baía de Marselha, no Sul da França.


HISTÓRIA

*Antecedentes
Em Janeiro de 1516, esta ilha mediterrânica passou a ser habitada por um rinoceronte, oferecido pelo rei de Portugal, D. Manuel I (1495-1521) ao Papa Leão X. Tendo a embarcação em que era transportado naufragado naquela costa, o animal exótico foi para aqui enviado. À época, o gravador e pintor alemão Albrecht Dürer, que nunca tinha visto um animal daquela espécie, viu-o e desenhou-o. Sobre a gravura do animal, que ficou célebre, encontra-se acima da palavra Rhinocerus a palavra IFIF, testemunho da sua presença na ilha.


*Fortaleza moderna
Vindo a cidade de Marselha a ser sitiada pelas forças espanholas do Condestável de Bourbon, o rei Francisco I de França ordenou a construção de um forte a fim de melhor proteger a cidade de um ataque marítimo. Essa determinação foi cumprida com a construção do chamado Château d'If, entre 1527 e 1529.

Alguns autores questionam a motivação para a construção do forte, argumentando que o soberano desejava apenas vigiar a cidade de Marselha, recém unida à França à época (há apenas 35 anos), sob o pretexto das ameaças dos Bourbons espanhóis. Em favor deste argumento alinham o fato de que o alcance da artilharia do forte não era suficiente para atingir os sitiantes, e que o desenho de sua planta era incapaz de oferecer resistência efetiva a um ataque.

De qualquer modo, os habitantes da cidade foram hostis à construção do forte, que empregou em sua construção a pedra retirada de antigas igrejas e conventos em ruínas na região, além de pedra de uma pedreira local onde ainda se podem ver as marcas das ferramentas utilizadas para extraí-la.

Castelo de If, França (gravura de 1641).

*Do século XVII aos nossos dias
Transformada em prisão do Estado a partir do século XVII, foi desativada dois séculos mais tarde. Até 1950 um guarda do farol e a sua família ainda viviam na ilha. Em nossos dias o forte é uma das atrações turísticas de Marselha.

CURIOSIDADES
*Apesar de já em 1521 a ilha abrigar um prisioneiro, o Cavaleiro Anselmo, foi necessário esperar pelo século XVII para que fosse transformada em prisão de Estado.
*Os muros do forte estão, de há muito, cheios dos grafitos dos antigos prisioneiros.


*Entre os mais célebres, lendários ou míticos, destacam-se os nomes de:
-o Homem da Máscara de Ferro: o seu encerramento na prisão desta ilha não é mais do que uma lenda.
-Jean-Baptiste Chataud: portador da Peste.
-o Marquês de Sade: nunca esteve na prisão desta ilha, mas sim em Marselha.
-o General Jean-Baptiste Kléber: aqui encarcerado sob as ordens de Napoleão.
-Conde de Mirabeau: aqui esteve detido por um ano, tendo aqui escrito o seu ensaio sobre o despotismo.
-os personagens Edmond Dantès e Abade Faria, do romance O Conde de Monte-Cristo, de Alexandre Dumas
*O esqueleto de baleia
Em 1870, uma baleia de 13 metros foi capturada ao largo da ilha. Ela foi logo em seguida transportada para o Palácio Longchamp onde o seu esqueleto ficou exposto até o fim do século XX.


Mais informações em: http://www.visitorama.com/ppi/13/Chateau-d-If.htm.

Fonte: Wikipédia e Flickr.



2 comentários:

Ana disse...

tem uma coisa que ODEIO quando venho aqui: toda vez fico babando pra viajar e conhecer esses lugares, mas não posso fazer isso agora. haha. X)

luismiller20 disse...

rsrss eu tbm Ana !! Vontade é o que nao falta pra conhecer esses lugares.. rsrsr

Olha muito legal por ter atendido ao meu pedido !! o/


Ja pensou ganhar de presente um rinoceronte? hehe

Nossa vi q nesse castelo renderam boas historias e grandes nomes surgiram daí..

So nao gostei que eles trasformaram o castelo em uma prisão.. aff, pra que ? Isso é um atentado contra o patrimonio mundial/historico ! heheeee

Abraços!

Blog Widget by LinkWithin