Só Templates

FACEBOOK

Bru

TWITTER

Bru

BLOGS

Power of Steel



segunda-feira, 29 de junho de 2009








LEFSE

O lefse é um pão norueguês com uma forma semelhante a uma tortilha mexicana, confeccionado com batata, leite ou natas e farinha e assado numa chapa. Existem ferramentas especiais para assar os lefses, incluindo pinças de madeira compridas para os virar. Há diversas variantes regionais relativamente à forma como os lefses são confeccionados e consumidos. A sua forma assemelha-se quase sempre à das tortilhas mexicanas, apesar de em algumas regiões da Noruega, em especial Valdres, serem bastante mais finos. Em algumas regiões dos EUA, tal como o Minnesota, é possível adquirir lefses em mercearias.





O nome lefse possui diversas variações na Noruega, tais como lepsa ou lemse osv.
No centro da Noruega, é confeccionada uma variação denominada tynnlefse (lefse fino), que é enrolada com manteiga, açúcar e canela e consumida como um bolo.
O tjukklefse ou tykklefse (lefse grosso) é mais grosso e é servido frequentemente com café, também como um bolo.





O potetlefse (lefse de batata) é usado frequentemente como substituto do pão nos cachorros-quentes. Nesse caso, é enrolado nas salsichas. Esta especialidade é conhecida por pølse med lompe na Noruega (salsicha com lompe), sendo o lompe o primo mais novo do lefse de batata.
Existem muitas maneiras de apimentar o lefse. A mais comum é adicionar manteiga e açúcar e enrolá-lo. Em Norueguês, isto é conhecido como "lefse-klining". Outras formas saborosas de os consumir incluem adicionar canela e passar alguma geleia ou groselhas. As variações escandinavo-americanas incluem enrolá-los com uma camada fina de manteiga de amendoim e açúcar,ou com manteiga e açúcar, com manteiga e xarope de milho, ou com fiambre e ovos. Combina também bem com carne de vaca e com o prato tradicional noruguês lutefisk, à base de bacalhau.





Muitos escandinavo-americanos comem lefse no dia de ação de graças e no Natal, com outras especialidades escandinavas, como o lutefisk.
Antigamente, os lefses podiam atingir cerca de 1 metro de diâmetro, com poucos milímetros de espessura. Após a cozedura, eram secos e conservados em grandes armazéns, até serem consumidos. Podiam assim conservar-se desde o outono até ao verão seguinte. Para serem consumidos, era preciso adicionar água. Actualmente, é também possível congelá-los.

Pessoal...estamos procurando alguma receita que se adeque aos produtos encontrado no Brasil :S

Enquanto isso, se alguém quiser se aventurar, segue o link da receita em inglês, e o mais interessante é que motra passo-a-passo ;)

http://www.lefsetime.com/all_about_lefse/making_lefse_instructions.php


Fonte:http://pt.wikipedia.org
Imagens Google

7 comentários:

Adri disse...

Oi meninas ... passei pra deixar um beijão e dizer que estou meio sumidinha por conta da correria, mas a partir da semana que vem eu retorno com força total!!!! Não me abandonem, viu?!!!!
Já votaram na enquete?!!!
Beijinhos!!!!

Luis disse...

Boa Terrrrrççaaaaaaaaaaaa!rsrsrs

Gesiane disse...

Agora deu fome... aiaiaia... Parece uma delícia... e nem dá para tentar fazer... ó vidaaaa...

Beijos

Merylliel disse...

esses blogs q me dão fomeeeee

Déia disse...

Oiiii , Adorei, como sempre.. e a fominha veio rsrsrs
Mas não vou reclamar não!
Saudade bj

Leo Yk disse...

Hello Girls!
Eu não vou mais visitar o blog de vcs...não de madrugada como estou fazendo agora... esses post de quitutes me dão fome xDDD

Será que a receita é mais fácil do que tentar pronunciar o nome da iguaria??

Bjos e boa Quarta girs!

Amanda disse...

Isso deve ser mto bom...
huuum...

bjos^

Blog Widget by LinkWithin