Só Templates

FACEBOOK

Bru

TWITTER

Bru

BLOGS

Power of Steel



quarta-feira, 14 de janeiro de 2009






GASTRONOMIA PORTUGUESA

A gastronomia portuguesa é bastante marcante e variada, com evidência para as especialidades típicas das diferentes regiões do país, formadas a partir de tradições e ingredientes locais.

Alguns pratos da gastronomia portuguesa tem como base as especiarias trazidas para o país pelos navegadores dos Descobrimentos. Pimenta, canela, nóz moscada, caril foram alguns dos ingredientes que ajudam hoje a compor os deliciosos pratos das vastas ementa gastronômica.
Uma refeição típica, em Portugal, começa pelos aperitivos que poderão ir de azeitonas (condimentadas com azeite,alho e orégano, ou simples) assados recheados, queijos de ovelha ou de cabra, saladas de polvo, de ovas, de orelha de porco, presunto, ou simplesmente pão e manteiga.

Segue-se a sopa, cuja a variedade é infindável. Sopas de legumes, de tomate, de “cozido” de marisco, ou algumas das mais famosas: a “acordar alentejana”; composta de pão; alho, coentro ,azeite, ovo escalfado e água fervente ou o nacional “caldo verde”, feito de legumes, batata, e acompanhado por chouriço. Na grande maioria dos restaurantes localizados à beira mar, se faz sopa de peixe, uma iguaria à base de vários peixes. Existem também sopas que funcionam quase como refeições. É o caso da “SOPA DE PEDRA”, que mistura carnes e batatas no caldo da “SOPA DE CAÇÃO”, especialidade que se encontra normalmente no Alentejo: postas de cação servidas com caldo e pão.

Caldo Verde Português

Peixe é uma constante na gastronomia portuguesa, sendo que o grande ênfase são as sardinhas, nos meses de verão e para o bacalhau; presença constatante em qualquer altura do ano, sendo mais procurado, no entanto no NATAL. Mais o mar tem muito mais variedades e algumas das espécies de peixe são saborosas. A mais comum é a pescada, que normalmente é cozida, acompanhadas com legumes e batatas, mas também o linguado, salmão, truta, e tamboril poderão aparecer sob várias formas e qualquer uma delas bem apetitosas.

Do mar vem também o marisco. E o conselho é que não se deve ser consumido em meses que não tenham no seu nome a letra “r”, a verdade é que mesmo no pino do verão que se tornam mais apetecíveis. Em qualquer localidade próxima ao mar podem ser encontrados mexilhões, ameijoas, cadelinhas, berbigão, camarão, lagosta, santola e sapateira, apenas para nomear alguns. E mais uma vez, o que custa é a forma como se escolhe a sua confecção.

Apesar de ser conhecido pelo seu peixe, Portugal é também país de carne e a variedade gastronômica que se apresenta é bastante considerável. Porco, vaca, borrego, frango, são algumas das opções.

O pastel de Chaves é uma iguaria da cidade de Chaves, que lhe dá nome e constitui uma das riquezas gastronómicas da região, dando-lhe fama além fronteiras.

Do porco vem os enchidos (chouriços, morcelas são algumas dos exemplos), as costelas, os presuntos e muito mais. De todos os pratos feitos à base de porco é o “Leitão assado”, o mais conhecido. Os amantes da carne de vaca encontram em Portugal o que na maior parte dos países se oferece, bifes. grellados ou fritos.
Frango é sem dúvida dos alimentos mais baratos. Na maior parte dos restaurantes aparece assado num churrasco, normalmente em carvão. Também pode se costuma confecionar em caril, estufado confecionar em caril, estufado, ou refugado.

A doçeria é bastante variada, mas a maior oferta consiste em mousses de chocolate ou caramelo, pudim, flã, molotoff, doces de ovos, bolo de bolacha e alguns doces típicos da casa.

Pastéis de Belém


Mais informações sobre os pastéis de Belém no site:

http://www.pasteisdebelem.pt/

Para acompanhar as refeições, além dos refrigerantes, bebe-se água, ou vinhos, pelos quais Portugal é bem conhecido, em algumas casas vende-se sangria. Uma bebida com menor teor de alcoólico, doce, feita à base de vinhos e frutas um gostinho bem de Portugal.

Fonte: http://www.emporiovillaborghese.com.br

Miquilisssssss

Um comentário:

Camila disse...

Que legal isso! :)

Blog Widget by LinkWithin